Pampa Pietá

Pampa Pietá
(Dilan Camargo, Newton Bastos)

Ó mãe das nascidas manhãs
Os cães farejam tuas irmãs.
Tende piedade de nós
Herdeiros, parceiros
Dos pecados do mundo
No campo
No amplo
Na pampa sem fim
Tende piedade de nós.

Pampa, pampa
Pampa, pietá!
Pampa, pampa
Pampa, pietá!

Pampa
Quanta soga
Quanta sova
Quanta cova
Sem altura
Sepultura
Pá de corte
Ao pé da morte.

Ó pai dos rebanhos das reses
Ouve o tamanho das rezas.
Tende de piedade de nós
Campeiros, tropeiros
Despiedados, sem mundo
No campo
No amplo
No pampa sem fim
Tende piedade de nós.

Pampa
Quantas luas
Sangas nuas
Dores tuas
Só lonjuras
Criaturas
Pés sem sorte
Fé prá os fortes.



Pampa Pietá - Os Posteiros by guascaletras

Festivais

CD/LP