Canção Do Peão Arrieiro

Canção Do Peão Arrieiro
(Noel Guarany)
     
Em primeira e segunda é que canta o peão arrieiro
Em primeira e segunda é que canta o peão arrieiro
Carregadito de penas campeireia o dia inteiro
Em primeira e segunda é que te canta o peão arrieiro

De noite lá fazenda forma roda galponeira
De noite lá fazenda forma roda galponeira
Canta o peão as suas queixas pra ingrata linda e faceira
Em primeira e segunda num estilo de fronteira

Será que o patrão não quer me empregar de peão posteiro
Será que o patrão não quer me empregar de peão posteiro
Ergo um rancho pra minha linda e campeireio o ano inteiro
Em primeira e segunda é que se queixa o peão arrieiro

Por isso mesmo que eu canto deste jeito meu parceiro
Por isso mesmo que eu canto deste jeito meu parceiro
Em primeira e segunda num velho estilo campeiro
Em primeira e segunda é que te canta o peão arrieiro.

Festivais

CD/LP