Assim No Más

Assim No Más
(Ubirajara Raffo Constant, Francisco Alves)

Dizem alguns que me quedo a esmo
Em meus silêncios a olhar confins...
É que saio a camperear comigo mesmo
Ao trotezito lá por bem dentro de mim.

E não vou para chorar ilusões perdidas
Mas cuidar os trevos nos campos de paz...
E trazer legendas de louvor à vida
Para a seiva nova que vem vindo atrás.

As tropas magras não se leva para as tabladas;
Isso já em piazito eu aprendi...
E só querem razões para as estradas
Os que não tem essas razões dentro de si.

Eu cinzelei na minha alma bem campeira
Em claras letras que destampo à vista;
Um ideal é a mais linda das bandeiras
E o seu horizonte não se pede...se conquista.

Pouco me importa que me surjam nas andanças
Mil atoleiros ou chircais pelas estradas...
Hei de transpô-los desfraldando esperanças
E abraçando o clarão das alvoradas

Festivais

CD/LP