REPASSANDO UM TENTO


TÍTULO
REPASSANDO UM TENTO
COMPOSITORES
LETRA
FABIO PRATES
ZECA ALVES
MÚSICA
FABIO PRATES
INTÉRPRETE
FRANCISCO OLIVEIRA
RITMO
CD/LP
1º CANTO FARROUPILHA DE ALEGRETE
FESTIVAL
1º CANTO FARROUPILHA DE ALEGRETE
DECLAMADOR
AMADRINHADOR
PREMIAÇÕES
3º LUGAR

REPASSANDO UM TENTO
(Fabio Prates, Zeca Alves)

Deitado na porta de um rancho estancieiro
Um cachorro ovelheiro espreguiça com sono
O tempo passou e ajustou de caseiro
Em outra estância, o coleira e seu dono

Na sombra espichada beirando a cozinha
Boceja e se aninha encostado na bota
De quem por vaqueano enxergou que a velhice
Traria outro encargo e o serviço de volta

Não sai mais para o campo na sombra do pingo
Nem quando um campeiro assoviando o convida
Empurra a cuscada mais nova e retorna
Que a idade lhe cobra os trompaços da vida

O tento ficou bem passado na trança
Das braças de um laço, chamado amizade
Que livra os tirões e se estende por conta
Firmando na cincha o peso da idade.

Quem n'outro serviço largou-lhes por velhos
Às vezes visita pra ver como estão
Então o coleira os recebe com festa
E faz da humildade uma grande lição.


Festivais

CD/LP