Peão do Cantagalo

Peão do Cantagalo
(Rogério Ávila, Leôncio Severo)

Sou peão campeiro
Do Cantagalo
Venho a cavalo
No corredor...
Prá busca um gado
Lá no Alegrete
Levo um bilhete
Prá o Chovedor!

Trago de tiro
Um bagual baio
Quase bueno
Saiu sereno, bom de doma
E esbarrador....
Sou peão campeiro
Do Cantagalo
Venho a cavalo
Prá o Chovedor!

Saltei cedito
Ainda noite, madrugada
E a lua clara, clara lua
De fiador...
E a coscorra
De um grilito, mais matrero
Fez o costeio
Prá um mate madrugador!

Sigo no rumo
Do lampejo da boieira
No céu da pampa
Linda estampa,
Pude vê-la...
Chapéu tapeado
E o tranquito de vaqueano
Chego temprano
Lá no posto do Estrela!

Mudo de pingo
Aperto a cincha
E alço a perna,
Pois lá prá diante
Sei da estrada
E a tropa berra...
Prá cruzá o passo
Faço a ponta
E largo n'água
Com uma mãozada
Da indiada lá do Serra!



Intérprete: Leôncio Severo

Festivais

CD/LP