Vida Razão E Sonho


Vida Razão E Sonho
(Marco Aurélio Campos, Marco Aurélio Vasconcellos)

Se amanhã eu tiver que partir
Por não ter mais razão prá ficar
Levarei nas rosetas choronas
Cantadeiras razões prá voltar
Com as choronas rosetas cantando
Por não ter porque ir ou voltar
Buscarei no amanhã dos meus sonhos
Se a razão do meu hoje ficar

Com razões cantadeiras voltando
Na chorona roseta há de estar
A razão que obrigou-me a partir
Transformada em razões prá ficar
Fiz da vida um rodeio de sonhos
Impassíveis por bem ou por mal
No saleiro a vontade dos outros
É boi gordo que vem lamber sal

Sou razão, vida e sonho buscando
No amanhã, mil razões prá andejar
E ir semeando passado e presente
Se o futuro puder me alcançar
Com razões cantadeiras voltando
Na chorona roseta há de estar
A razão que obrigou-me a partir
Transformada em razões prá ficar

Fiz da vida um rodeio de sonhos
Impassíveis por bem ou por mal
No saleiro a vontade dos outros
É boi gordo que vem lamber sal
Sou razão, vida e sonho buscando
No amanhã, mil razões prá andejar
E ir semeando passado e presente
Se o futuro puder me alcançar

Com razões cantadeiras voltando
Na chorona roseta há de estar
A razão que obrigou-me a partir
Transformada em razões prá ficar




Vida Razão e Sonho - Marco Aurélio Vasconcelos e Os Posteiros by Guascaletras

Festivais

CD/LP