Sem Ter Pressa De Chegar


Sem Ter Pressa De Chegar
(Guilherme Collares, Tarciane Tebaldi)

Na estrada da vida
Vou tropiando bons momentos
No campo do destino
Vou soltando sentimentos
No cavalo da esperança
Galopeio rumo ao tempo
Fui tropiando campo a fora
Um rebanho de emoções
Embretei dentro do peito
Mais que um lote de paixões

A vida anda de pressa
Mas eu ando devagar
Avanço passo a passo
Sem ter pressa de chegar
A felicidade existe
Pra quem sabe aproveitar
Cada momento da vida
Como se ela nunca fosse acabar

Carrego junto comigo
Uma mala de saudade
Daquele tempo antigo
De matear com a bondade
Nas carreiras da memória
Apostei na amizade
Colhi frutos de ternura
No pomar da caridade
Vivi tempos de amor
Nas asas da liberdade

Festivais

CD/LP