Canção Do Noivo

Canção Do Noivo
(Vaine Darde, Sabani Felipe de Souza)

Cerração desceu do cerro vestiu de noiva a aurora
Eu tenho andado nublado desde quando foste embora
Casuarina despertou com violinos nupciais
Se eu não noivar contigo não me caso nunca mais
Fiz um mate apaixonado com cidró e hortelã
Vesti um poncho de nuvens e me perdi na manhã

Outra vez o sol desfez o enxoval da cerração
Se não noivares comigo vou casar com a solidão
Outra vez o sol desfez o enxoval da cerração
Se não noivares comigo vou casar com a solidão

Enfeitei a casa vaga com gerânios e camélias
E a névoa me trouxe véus das cortinas das janelas
Desfolhei rosas vermelhas que colhi por toda a parte
Ficou uma colcha de pétalas abandonada no catre
O dia desconsolado nublou o campo e a cidade
Desde quando me deixaste fiquei noivo da saudade

Outra vez o sol desfez o enxoval da cerração
Se não noivares comigo vou casar com a solidão
Outra vez o sol desfez o enxoval da cerração
Se não noivares comigo vou casar com a solidão

Festivais

CD/LP